quarta-feira, 7 de julho de 2010

Em um codinome Beija-flor !

"Flores são flores
Vivas num jardim
Pessoas são boas
Já nascem assim
Flores são flores
Colhidas sem dó
Por alguém que ama
E não quer ficar só"

(Cazuza)



Hoje, vinte anos sem o poeta rebelde.
Cazuza se foi mas deixou suas canções irmotalizadas.
Insano e intenso nos mostrou como essa
vida louca vida é breve, tão breve...

Ele sobrevive sem nenhum arranhão em nossa memória.

4 comentários:

Lucas de Souza disse...

Pra Sempre, Cajú! Viva a música brasileira.

Ruan Andrade disse...

' Daqui até a eternidade (...)

Rebeca Amaral disse...

20 anos sem ele. :/

Peu Henry disse...

Eternamente em nossos corações!

Postar um comentário

Palavras bem-vindas...